MARCAS DA VIDA- POR LOURDES SERI

MARCAS DE UMA VIDA

Rugas são marcas de sorrisos…de risos de gargalhadas…
por uma vida bem vivida e muito amada.

Sim perdemos a textura aveludada…ficamos com marcas ainda lembradas…
muitos sentimentos…acúmulo de lembranças e alegrias muito bem guardadas.

Mas quero continuar tendo sonhos…aventuras e venturas.
Não conto os dias…quero sim aprecia–los e acima de tudo celebra-los.

As vezes preciso fazer as contas para saber por quantas primaveras passei…nem sei…mas tenho um olhar calmo…

um sorriso ainda rasgado…tenho o encanto de continuar sonhando…ser grata às lembranças me acompanhando e

até a mais ilusões me aguardando.

Tenho primaveras suficientes para saber que amei…que perdi…que resisti…que adquiri…mas que aprendi…

então tenho primaveras para saber


QUE AMEI…QUE AMEI…E QUE VIVI.

Quantas primaveras eu tenho.?
Nem sei…
Tenho sim desejos realizados…tenho o choro de caminhos não trilhados…

tenho lágrimas de ilusões que partiram antes mesmo de se realizarem.

O que isto importa para mim ?
Importa o quanto eu vivi…
Importa pelos lugares que conheci
Importa pela liberdade que adquiri…e
Importa ainda mais porque ainda ESTOU AQUI.

Usei atalhos…usei retalhos…usei tudo que foi necessário para não contar os dias e sim …
PERDER O MEDO.

Não tenho lamentos da vida porque ela foi sempre MUITO presente…veio COMO um presente.
Me livrei de tropeços…conheci muita gente…conheci porque quis..porque sempre fui uma aprendiz…

não me arrependo do que fiz…faria tudo de novo…
Porque ASSIM SEMPRE QUIZ.

Nada é absoluto…tudo muda o tempo inteiro…tudo se renova…tudo voa e vai embora.

Então porque contar os anos..?
Escolho lembrar das primaveras…e quantas foram nem me importa agora…o que é inevitável É SENTIR…


O importante É FLORIR…
porque envelhecer :
SÓ É OPCIONAL …SE VOCÊ NÃO SENTIR.

Hoje tudo o que eu quero… é ficar neste remanso e com suavidade descanso agradecendo os anos que já vivi.

Por Lourdes Seri

 

Lourdes Seri

Desde muito cedo tive três metas em minha vida.

Estudar…trabalhar e ser livre.

O que me interessava eram livros …revistas…jornais conhecimento …o mundo… viagens .

Fui a rebelde da família.Nunca me importei… segui meus instintos e meus sonhos.

Estudei… me tornei independente…e sou até hoje…

Mas…ops…. na ânsia de cumprir minhas metas…me tornei escrava do trabalho.

🌳🐦E esqueci de ser LIVRE….DE VIVER.

Novamente meu guia…o instinto me disse:

“Eu estava te dizendo…mas vc não me ouvia.”

Começou aí a prática do meu desapego material… espiritual e físico.

🌳🐦Mantenho minha essência… a curiosidade…

que me levou a lugares que povoavam meus sonhos…e comecei a cumprir a terceira meta.

🌳🐦ENFIM….SER LIVRE.

Tenho um lema:

“I Like to be free as a bird”

Eu gosto de ser livre como um pássaro.

🌳🐦E sou assim até hoje…

Fazendo o que minha alma livre e nômade me diz.🌳🐦

Esta SOU EU:

Lourdes Seri…🐦 🐦

https://www.facebook.com/lourdes.seri

 

 

Um comentário em “MARCAS DA VIDA- POR LOURDES SERI

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.

%d blogueiros gostam disto: