VERBO MÃE – POR ADELE PEREIRA

Mãe, que abraça com carinho, que beija com jeitinho
Faz um pacotinho, e carrega, no coração quentinho
Mãe que ensina, escrever o seu nome, e por ele zelar

Mãe que também já passou fome, só para os filhos alimentar
Mãe de sorriso aberto, com lagrimas nos olhos preste a derramar
Mãe prece perdida, por Deus ouvida, por mim não atendida, para eu me endireitar
Mãe mulher menina trocou, seus sonhos para  ainda criança seus filhos criar

Mãe que luta e labuta, para que a vida do filho não seja igual ao seu trabalhar
Mãe que tenta ser santa, se dedica ser bendita para poder abençoar
Mãe que sem ter cria, faz estropelia até uma criança poder adotar
Mãe que corta suas asas coloca nos filhos para eles aprenderem a voar

Mãe não importa a cor o seu dialeto, se o linguajar é correto
Se o tempo do verbo está certo, pois conjuga em todos os tempos e todo lugar
Ela é o verbo AMAR

ADELE PEREIRA

Apaixonada pela vida, em busca de ser feliz, sentir o amor.
É assim Adelia De Melo, está Adele Pereira.
Email: adeliapvmelo@hotmail.com

 

 

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.