PANDEMIA PARA NAMORAR OU FAZER AMIGOS- POR RENATA COSTA

Há sete anos, o jornalista Airton Gontow abriu o site Coroa Metade, um ambiente em que pessoas com mais de 40 anos podem procurar por um parceiro ou parceira. “Ao longo desse tempo, mais de 90% das pessoas que se inscreviam no site procuravam namoro ou relacionamento amoroso. Com a pandemia de covid-19, esse perfil tem mudado, com mais gente procurando fazer amizades”, conta o fundador do serviço.

Houve um aumento de 20% de usuários com mais de 60 anos e um incremento de 25% no tempo que eles passam conversando no site. Na faixa etária, a média era de 39% inscritos do sexo masculino e 61% feminino. Agora, são 45% homens e 55% mulheres.

Gontow alerta que pessoas sem experiência em sites de relacionamento podem estar mais suscetíveis a caírem em golpes. Por isso, listou uma série de dicas para a segurança de novos usuários:

– Tente passar o máximo de tempo possível no site – sem dar contatos pessoais. Nos sites de relacionamento como o Coroa Metade é possível denunciar o perfil da pessoa que estiver incomodando e ela será banida. Se der seu telefone ou seu perfil em outras redes sociais, não haverá essa mesma proteção.

– Jamais dê dinheiro para essa pessoa. Denuncie o perfil. “Nem se pedir dinheiro para ir conhecer você, ou mesmo contar uma história triste. Não caia nessa”, alerta Gontow.

– Não envie foto e vídeos eróticos ou com informações privadas. Quando o relacionamento termina, pode ser usada como elemento para chantagem.

– Preste atenção aos pequenos detalhes da conversa. Se a pessoa pergunta a mesma coisa a você várias vezes, ela pode estar também batendo papo com outros. Cuidado para não entregar demais seus sentimentos e acabar se machucando.

Para os novatos, que não sabem nem por onde começar, basta entrar no site e preencher uma ficha com seu perfil e com o perfil de quem deseja conhecer – seja para um relacionamento amoroso ou amizade. “Similaridades, ter objetivos semelhantes e afinidades em comum são fundamentais para um relacionamento dar certo depois que passa a fase da paixão fulminante”, orienta Gontow.

Para os céticos, Gontow garante que o site pode ser o intermediário de uma linda história. Nos sete anos de serviço, já foram comunicados a ele 81 casamentos.

Quer saber mais sobre isso? Assista ao Boletim Aptare: https://bit.ly/3czJTn0

Ou ouça o nosso podcast: https://bit.ly/2T5shHZ

https://www.coroametade.com.br/

Renata Costa

Jornalista pela Universidade de São Paulo, mestre e doutora em Ciências da Comunicação pela mesma instituição.

Colaboradora da Dínamo Editora/ Revista Aptare

site: http://revistaaptare.com.br/

Face: https://www.facebook.com/RevistaAptare/

Instagram: https://www.instagram.com/revistaaptare

 

 

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.